tamanho da letra : imprimir

Angra volta às raízes

Com rigorosa seleção de público e redução do total de empresas expositoras, a Sunglasses Business Point, também conhecida como a feira de Angra, deixou novembro para voltar a ser promovida em agosto, mais precisamente de 21 a 25. O resultado foi, além de desfrutar as benesses de um resort como o Club Med, o maior foco nos negócios, assegurando, segundo a organização, um volume de vendas três vezes maior que o do ano anterior.
Ana Lima Ana Lima, Andrea Tavares e Debora Alves

Enviar por email

Compartilhar

O tempo frio e chuvoso que tomou conta do Rio de Janeiro durante a edição 2011 da Sunglasses Business Point pode até ter pego a maioria dos visitantes de surpresa, mas não afetou em nada o sucesso do evento. Pelo contrário, aqueceu os negócios. A mudança na data de realização da feira de novembro para agosto se mostrou mais que acertada, eliminando o risco de a data coincidir com algum feriado, tal qual ocorreu no ano passado, e possibilitando mais folga no calendário de compras dos lojistas.

A feira voltou às raízes em termos de exclusividade, com uma diminuição de 30% no número de expositores (28 neste ano contra 40 em 2010) e uma seleção mais rigorosa entre os lojistas convidados – nesta edição, cerca de 260 lojistas marcaram presença. Dentre os expositores ouvidos pela VIEW, praticamente não houve queixas em relação ao volume de vendas. No mínimo, os números atingiram a meta esperada, mas, em geral, estavam bem acima do estimado. Segundo dados divulgados pela empresa carioca Excalibur & Savaget, organizadora do evento, o volume de vendas foi o triplo do alcançado no ano passado.

Evento exclusivo – No princípio, eram só relógios. Depois, relógios e um pouquinho de óculos. E, em 2008, os óculos ganharam um evento exclusivo, com a criação da Sunglasses Business Point. Depois de passar muitos anos tendo em comum com o setor óptico apenas os relógios, já que uma parte do varejo pelo país afora também comercializa o produto, a Excalibur & Savaget decidiu investir também nos óculos com a criação de um evento exclusivo para o mercado óptico.

Logo na primeira edição com o novo formato, expositores e visitantes consideraram a feira um sucesso. No ano seguinte, o evento alcançou proporções maiores, com um segundo pavilhão, o dobro de expositores e, consequentemente, um número maior de lojistas. No entanto, foi no ano passado, quando a feira coincidiu com o segundo turno das eleições e o feriado de finados, fato que, além de gerar baixar na lista de convidados, ainda levou boa parte dos lojistas a passar mais tempo aproveitando as belezas naturais do Club Med com os familiares do que dentro dos pavilhões fazendo negócios.

Este ano, foi o contrário. Os stands recebiam visitantes tão logo os pavilhões abriam, às 14h, e assim permaneciam até o término da feira, às 22h, e o jantar na sequência. Depois disso, os destinos se dividiam basicamente em dois: recolher-se para aproveitar o resort pela manhã ou ir às já tradicionais feiras temáticas que encerram a noite e invadem a madrugada. O saldo da Sunglasses Business Point 2011 foi positivo: R$ 40 milhões em vendas e o encontro do ano que vem já está marcado para 19 a 23 de agosto.

Pelo mundo afora – Uma das novidades desse ano na Sunglasses Business Point foi a promoção que premiou três visitantes com direito a acompanhante para uma viagem a qualquer Club Med do mundo. A cada R$ 3 mil em compras, o lojista tinha direito a um cupom sorteado no final de cada dia. Os ganhadores foram Francisco Gabbi (Gabbi Ótica e Joalheria, Canoas/RS), Maria Adelaide Souza (Ótica Diniz, Ribeirão Preto/SP) e Rosana Soares (Centro Ótico Cricare, Nova Venecia/ES).

Negócios em alta velocidade – Presença cativa nas principais feiras, famosos sempre mobilizam os visitantes que os procuram em busca de autógrafos, fotos ou simplesmente aquele gostinho de poder ver o ídolo de perto. O astro da Sunglasses Business Point 2011 foi mais que uma celebridade, e, sim, um dos mais vitoriosos automobilistas da história, o ex-piloto Emerson Fittipaldi, presente no stand da Evoke para mostrar em primeira mão o fruto da parceria com a marca brasileira de óculos, em comemoração aos dez anos da Evoke e aos 40 anos da conquista do seu primeiro campeonato de Fórmula 1: uma releitura assinada por Fittipaldi dos óculos usados por ele nos anos 70.

Expositores

ARK

Biz

Brevil Design

Champion

CMC

Evoke

Fenicia

Fox

General Optical

HS

Jaguar

Kristal

Linz

Magnum

Marcolin

Master Glasses

Montmartre

Mormaii

Opsion

Optical Designs

Optisol

Safilo

Stepper

Suntech Supplies

Tecnobrasil

Transitions

Wilvale De Rigo

Zen Barcelona

VIEW Stars

Marcos Benutto (Óticas Carol, São Paulo), Sônia Tenório (Safilo), Ronaldo Pereira (Óticas Carol), Geraldo Teixeira e Vera Vasconcelos (Óticas Carol, Salvador) e Renis Gabriel (Safilo)

Joyci Lin e Tom Lyra (General Optical)

Marcello Reverzani (Marcolin) e Arione Diniz (Óticas Diniz, São Luís)

Marcus de Souza e Ricardo Zorzenão (CMC)

Fran Lavieri (La Croisette, São Paulo), Carla Lavieri (Den Optika, São Paulo), Fabiano Moraru (Evoke) e Luciana Rodrigues (Den Optika, São Paulo)

Rui Lima, Fernanda Paolone e Renis Gabriel (Safilo)

Valter Tomazzoni e Júlio Rodrigues (Mormaii)

Carlos Ideriha (HS) e Vitor Domingos (Optisol)

Guilherme Delgado (Essilor), Mariano Guterrez, Paulo Reis e Paula Russo (Ótica Golden do Bairro, Rio de Janeiro) com José Vicente Silva, Gustavo Lemos e Fernando Moraes (Transitions)

Laís Sousa, Elisabete e Andrea Valverde (Master Glasses)

Sefaz Filizzola, Gleice Carvalho, Adolfo Breternitz e Vagner Silva (Brevil Design) com Juan Mazaria (Etnia Barcelona)

Voriques Oliveira (Voriques Óptica, Brasília) e César Tavano (Stepper)

Édson Ribeiro da Luz, Arnaldo Galvão e Eli Prudente (Montmartre)

Juarez Rezena (Mormaii) e Thiago Grava (Absurda)

Lourival Pinheiro, Alexandre e Patrícia Brasolin (Ótica Brasolin, São Paulo)

Sônia Tenório, Boni Bezerra e Andrea Assis (Safilo)

Yukio Nagay, Roberto Graziano e Jack Magid (Magnum)

Sílvio Cornaviera, Armando e André Augusto e Ricardo Arten (Suntech Supplies)

Fabio Tanaka (Centro Ótico), Ricardo Matsumoto (Ótica Matsumoto, Londrina) e Fernando Moraes (Transitions)

A equipe da Jaguar. Ao centro, João Carlos Basile

Pedro Bessoni (Óticas Carol, Belo Horizonte) e Adriana Neves (Safilo)

José Carlos Honda e Carlos Ideriha (HS)

A equipe da Stepper

Leonel Gentil, Fábio Monzillo, Valdete, Wilson e Leandro Escudeiro (Wilvale De Rigo)

Kako e Poliana Breternitz (Brevil Design)

O piloto Emerson Fittipaldi, Felipe Bonilha (Excalibur Savaget) e Fabiano Moraru (Evoke)

As equipes da Mormaii e da Absurda

Marcelo Sznaider e Fernanda Paolone (Safilo)

 

 

Enviar por email

Compartilhar

Últimas edições